Newsletter

Cadastre-se e receba todas as novidades

Descubra 6 dicas para atrair bons investidores

Publicado em 22 de Jan de 2017 por Redação |COMENTE

Ter uma boa imagem perante o mercado de trabalho não é o suficiente para conquistar uma gama de bons investidores. Confira as melhores dicas e faça ainda mais sucesso com o seu negócio!



Texto Dan Cohen | Adaptação Isadora Couto | Foto Shutterstock 

Descubra 6 dicas para atrair bons investidores 

Ter bons argumentos na mesa de reuniões, possuir um planejamento estruturado sobre o investimento e alcançar bons resultados no setor de atuação, são pontos importantas para a aquisição de bons investidores. Confira a lista que preparamos para você e faça sucesso com o seu negócio:

 

1. Kit completo:  Todos os bancos, fundos e financeiras vão pedir uma lista de documentos para analisar o seu crédito. A boa notícia é que 60% ou 70% dessa lista é exatamente a mesma, independentemente de quem pede.

2. "Verdade tem preço, todo o resto não": Pode parecer óbvio, mas ainda existem empresas que não revelam ou mesmo escondem informações não tão desejáveis do seu negócio. Informar ou ocultar os riscos do seu negócio é a diferença entreter que atrelar mais garantias a um empréstimo ou correr o risco de não ter acesso a dinheiro algum e queimar a reputação por isso.

3. Demanda realista: Da mesma forma, busque uma quantia que condiz com o objetivo da empresa. O financiamento deve ser encarado como algo que cubra uma meta específica, como expansão, capital de giro, aquisição de bens, entre outros. Buscar mais do que o necessário diminui automaticamente a sua credibilidade.

4. Auditoria contábil: Em média, uma empresa auditada tem acesso a financiamentos pelo menos 2% ao ano mais baratos do que as não auditadas. A iniciativa também amplia o leque de possíveis financiadores, pois muitos bancos e fundos sequer aceitam negociar com firmas não auditadas. Nesse caso a marcado auditor é muito importante: não dá para ser uma empresa pequena e desconhecida.

5. Garantias adequadas: As garantias pesam bastante no crédito. Os empresários precisam estar atentos com o que concedem para obter o empréstimo. Por exemplo: quanto mais as empresas necessitam de crédito, mais os financiadores evitam garantias provenientes da própria operação do negócio.

6. "Digas com quem andas que eu direi quem és": Construir uma base de relacionamento comercial com várias instituições financeiras é um ótimo investimento para o negócio. Além de diminuir a dependência de um único financiador, a estratégia facilita a obtenção de novas linhas de crédito.

 

 


Revista Gestão & Negócios | Ed.93 - Assine já e garanta 6 meses grátis de outro título

 


COMENTE